×

Mano assume culpa por derrota do Cruzeiro e minimiza chance de rebaixamento

Mano Menezes ainda falou sobre uma possibilidade de queda para a Série B do Campeonato Brasileiro.

IMAGEM NOTICIA 5 2 8 300x221 - Mano assume culpa por derrota do Cruzeiro e minimiza chance de rebaixamento - o tempo jornalismo

Chega a ser quase criminoso quando você põe jogadores como time que fazer. Aí vem a vaia sobre os mais experientes e cada uma reage de um jeito.

Mano Menezes assumiu a responsabilidade pela derrota por 2 a 0 para o Athletico-PR, na noite deste sábado (27), no Mineirão. O treinador crê que o fato de ter usado o time reserva no jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro foi crucial para o resultado. Ele ainda minimizou a chance de rebaixamento, citando feitos anteriores com as cores do clube.

A equipe entrou com quatro garotos recém-promovidos das divisões de base – Weverton, Cacá, Éderson e Maurício. Os demais nomes têm mais rodagem, mas não estão acostumados a jogar juntos, casos de Jadson, Ariel Cabral, Dodô, Fred e David. Mano justifica com isso a atuação da equipe e assume a responsabilidade pelo futebol apresentado.

“Quando o Athletico decidiu colocar a equipe titular e nós decidimos colocar a equipe toda reserva, alguém achar que o Cruzeiro não teria dificuldade é porque não está acompanhando futebol há bastante tempo. A gente teria muita dificuldade com o time todo reserva. Chega a ser quase criminoso quando você põe jogadores como time que fazer. Aí vem a vaia sobre os mais experientes e cada uma reage de um jeito. Eu estou aqui concedendo entrevista, porque tenho que dar satisfação, porque sou responsável. Mas não queria explicar uma derrota como essa”, declarou.

“De vez em quando escuto que temos a terceira maior folha do país. Está faltando alguma coisa aqui. É um elenco reduzido. Sabemos o risco do que fizemos contra uma equipe altamente qualificada. A responsabilidade é nossa, que tomamos a decisão. Não vamos destruir um jogador por jogo. Saímos mais confiantes de futuro de jogadores do que no jogo de salvador. Não vai ser por que perdemos em uma derrota dentro da normalidade que vai cair tudo que fizemos. Não gostaria de expor os jogadores como fiz mais uma vez. A equipe que jogou na Argentina tem média de 31 anos. Ali na frente vou poder colocar a equipe numa sequência de jogos maior. Para esse jogo específico, 100% concorda que a decisão que deveria tomar é essa”, acrescentou.

Mano Menezes ainda falou sobre uma possibilidade de queda para a Série B do Campeonato Brasileiro. Questionado se um rebaixamento inédito o preocupa, o técnico minimizou a situação, relembrando o que fez em 2015, em sua primeira passagem pela Toca da Raposa II, e falou também a respeito do início do atual trabalho, em 2016.

“Podemos acabar com esse risco na terça-feira, caindo fora da Libertadores. Depois, vamos jogar contra o Internacional e cair fora da Copa do Brasil. Aí vou ter mais datas para jogar o Brasileiro. Risco existe. É o mesmo risco que existia quando cheguei da primeira vez, é o mesmo que tivemos quando cheguei na segunda vez. O risco existe, óbvio que existe”, concluiu.

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Curta Nossa Fan Page

Brasileirão Série A

banner whats 300x95 - Mano assume culpa por derrota do Cruzeiro e minimiza chance de rebaixamento - o tempo jornalismo

  • últimas notícias
  • mais lidas