×

Após quase 13 anos, presidente Lula volta a Ilhéus

O ato contará com a presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que virá acompanhado de ministros, do governador Jerônimo Rodrigues e diversas autoridades políticas.

Na próxima segunda-feira (3), Ilhéus será palco do anúncio do maior pacote de obras já executado na região sul da Bahia. O ato contará com a presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que virá acompanhado de ministros, do governador Jerônimo Rodrigues e diversas autoridades políticas. A solenidade acontece a partir das 10h e marca o lançamento da parte final do primeiro trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol). A vinda do presidente ao município, cuja última vez ocorreu em dezembro de 2010, não se resume apenas à relevância econômica da obra, mas antes, ao fortalecimento da base aliada na cidade, que além de ser reduto do Time de Lula, se configura como uma das mais importantes na atual conjuntura política e econômica do estado.
Somada à sua localização estratégica, Ilhéus tem angariado obras promissoras, fato que desperta a necessidade de manter no governo pessoas com objetivos afins, para que o processo de desenvolvimento não sofra lapso.
O Time que tem o atual ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, como a segunda pessoa do presidente, encontra na figura do prefeito Marão apoio necessário para lograr êxito e dentro dessa articulação garantir oportunidades e qualidade de vida a cada cidadão. Marão, portanto, integrante dessa base forte, mostra fidelidade e tem ampliado seu prestígio no maior grupo político do país. Não à toa, tudo indica que o novo Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal (PAC), classificado como uma grande iniciativa para o desenvolvimento nacional, poderá ser lançado durante o evento na segunda-feira, nas instalações da Bamin. (Agravo)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Curta Nossa Fan Page

  • últimas notícias
  • mais lidas