×

Médicos cubanos iniciam retorno ao seu país na próxima semana

A reação ocorre no momento em que o governo de Cuba anunciou o rompimento da parceria por não aceitar as exigências do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Na última quinta-feira (15), um grupo de 196 médicos cubanos retornou ao país.

Autoridades do governo de Cuba anunciaram que cerca de 8 mil profissionais que atuam no programa no programa “Mais Médicos” e que prestam serviços no Brasil retornarão antes do fim do ano.

Representantes dos ministérios de Saúde Pública (Minsap) e do Transporte informaram que há um plano para o regresso “ordenado e seguro” dos médicos, que começará no final da próxima semana e deve terminar em meados de dezembro. Na última quinta-feira (15), um grupo de 196 médicos cubanos retornou ao país.

A reação ocorre no momento em que o governo de Cuba anunciou o rompimento da parceria por não aceitar as exigências do presidente eleito Jair Bolsonaro, que questionou a sua preparação e condicionou a presença dos profissionais no Brasil à obrigatoriedade de eles se submeterem à revalidação do título. (G1)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

  • últimas notícias
  • mais lidas