×

Após tirar âncora da Record, Globo lidera ao meio-dia na Bahia

Agora, ela prejudicou a audiência da Record nas manhãs e também à tarde.

Por um ano o telejornal matinal da Record-Itapoan “Bahia no Ar”, ancorado por Jessica Senra, só deu dor de cabeça à Globo. O jornal vencia o “Bom Dia Brasil” e até um pedaço do “Mais Você”, de Ana Maria Braga, todos os dias. Nesse período o programa “cometeu” a façanha de deixar a Globo quase que 100% dos dias em segundo lugar na Grande Salvador. Jessica estava na bancada desde 2012. Outro apresentador da Record local, Eduardo Bocão, âncora do “Balanço Geral Bahia”, também prejudicava a Globo no início da tarde -quase sempre ficando em primeiro lugar. Corta para a cena seguinte: corre a lenda que, meses atrás, o diretor da Globo Amauri Soares (criador do lendário “Aqui Agora”, do SBT) esteve em Salvador diagnosticando os motivos da vice-liderança da emissora na região. Chegou a uma conclusão e tomou uma atitude. A TV Bahia, afiliada da Globo em Salvador, tirou Jessica da Record e a contratou. Em seguida colocou-a como a nova âncora do “Bahia Meio Dia”, que equivale ao “SPTV” em São Paulo. Com isso meio que matou dois coelhos com uma só cajadada. Prejudicou a audiência da Record nas manhãs e também à tarde.
Em sua primeira semana como âncora da Globo, o “Bahia Meia Dia”, ancorado por Jessica, fechou isolado em primeiro lugar. Com Jessica, o telejornal cresceu ao menos 25% em audiência e está com média de 15 pontos de audiência – 3 pontos a mais que a Record ( um ótimo resultado, diga-se ). O telejornal da Globo ficou em primeiro lugar todos os dias desde que ela assumiu a bancada.  Jessica, 35 anos, quase 1m80 de altura, começou a carreira como modelo aos 13 anos. Em 2000 trocou as passarelas pelo jornalismo. Em 2012 assumiu o “Bahia no Ar” da Record. Agora, brilha na Globo Salvador, onde cada ponto de ibope equivale a cerca de 13,7 mil domicílios sintonizados. (Ricardo Feltrin)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.