×

Camacanense acusado de homicídio, morre em confronto com a polícia em Teixeira de Freitas

Na oportunidade, foram presos duas pessoas que estavam no interior da residência, onde foram encontradas duas armas e drogas.

qqq - Camacanense acusado de homicídio, morre em confronto com a polícia em Teixeira de Freitas - o tempo jornalismo

A ação se deu na tarde desta sexta-feira, (12), quando a guarnição da Ronda Rural, teria tentado executar o cumprimento do mandado de prisão.

O camacanense Marivaldo da Silva Ribeiro, de 42 anos, foi morto por Policiais da Ronda Rural da 87ª Cipm, de Teixeira de Freitas, com apoio de uma guarnição da Rondesp/Sul, quando tentava cumprir mandado de prisão contra o acusado, pela prática de homicídio ocorrido em Camacan. A ação teve início na tarde desta sexta-feira, (12), quando a guarnição da Ronda Rural, teria tentado executar o mandado. Na quinta-feira, a polícia tentou prende-lo em sua casa, mais ele fugiu. Na oportunidade, foram presas duas pessoas que estavam no interior da residência, onde foram encontradas duas armas e drogas.

Na tarde desta sexta-feira (12), o foragido, que foi identificado, e também foi constatado, que ele havia cumprido pena por tráfico de drogas, e estava com mandado de prisão em aberto por homicídio. Teria voltado á residência, e estaria em uma plantação de corante, que fica próximo a um campo de futebol daquela comunidade. A polícia chegou ao local, onde  fez um cerco na área de plantação. Ao se aproximar do foragido, ele disparou contra os policiais, que revidaram. Após a troca de tiros, o indivíduo caiu com um revólver 38, que estava com cinco cartuchos deflagrados.
Ele foi socorrido no Hospital Municipal, onde deu entrada, mas já chegou sem vida. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia, pelo o delegado plantonista, Júlio Telles, onde foi entregue a arma da vítima. Após procedimentos de praxe, o corpo será liberado aos familiares para velório e sepultamento. (Liberdade News)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.
banner whats 300x95 - Camacanense acusado de homicídio, morre em confronto com a polícia em Teixeira de Freitas - o tempo jornalismo

  • últimas notícias
  • mais lidas