×

Camacan: Capitão Penalva diz que os homicídios diminuíram 22% em 2017

Ele informou que 80% das ocorrências policiais na cidade, partem do tráfico das substâncias entorpecentes.

O Comandante está á Frente da Cia Independente da PM, há quatro meses: Foto / O Tempo Jornalismo

O Comandante da Cia Independente da Polícia Militar de Camacan, Capitão Ricardo Penalva, há quatro meses á frente da corporação, vem desenvolvendo um trabalho que atende aos anseios da comunidade. Em entrevista á reportagem d’o O Tempo Jornalismo, ele falou que vem acompanhando o levantamento da Polícia civil e direcionando o policiamento, onde existem mais ocorrências. Em 2017, foram apreendidas 94 armas de fogo, que estavam nas mãos dos bandidos. Estas armas segundo o comandante, estavam sendo utilizadas em assaltos, tráfico de drogas, homicídios e outros ilícitos. Ele destacou que houve uma redução de 22% dos homicídio em 2017, em comparação ao mesmo período de 2016. Em 2016, 22 pessoas foram assassinas em Camacan. Em 2017, este número caiu para apenas 17 homicídios. 80% das ocorrências policiais na cidade, partem do tráfico das substâncias entorpecentes.

Ele informou ainda que é lamentável o que vem  ocorrendo, porque se não fosse o usuário de drogas, a criminalidade seria bem menor. “Agente depende da informação da população, para que possamos tomar as providências necessárias. Se a comunidade não informar, vai dificultar o trabalho da PM, que por sua vez, tem o maior prazer em servir a população”disse.

Ele frisou que a participação da comunidade, é de fundamental importância, pois a sociedade, não pode viver distante, ao contrário, ela deve se integrar á corporação e trabalhar junto com ela, passando informações. Penalva também falou da importância da parceria com a polícia civil, e ressalta que este trabalho, tem obtido resultados positivos.

O Comandante disse que está preocupado com os constantes assaltos no distrito de São João do Panelinha, por isso está intensificando o policiamento preventivo, com uma viatura exclusiva, com quatro policiais, para suprir as necessidades de segurança da localidade. Ele reiterou que em casos de operações ostensivas, solicita sempre do comando geral, a presença das tropas da CIPE Cacaueira e Rondesp e assim o trabalho vem sendo desenvolvido.

Operação distritos:  O comandante também criou uma nova tática de trabalho. Identificada como “Operação distritos”, essa modalidade visa o recrutamento de quatro policiais em horários de folga, forma uma guarnição e se desloca aos distritos, objetivando fazer as rondas nestas localidades. A comunidade pode entrar em contato com a PM pelo telefone 73-3283-1744.

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.