×

Carga de sucata cai sobre quatro carros na BR-101

A carreta seguia de Candeias, na Bahia, em direção ao município mineiro de Juiz de Fora.

Após a curva, a carga pendeu para o lado esquerdo.

Um acidente ocorrido na altura do km 735, a 17 km de Eunápolis, na BR-101, deixou a rodovia parcialmente obstruída por conta de um acidente que ocorreu por volta das 15h30 desta sexta-feira (13). Um dos compartimentos de carga de uma carreta que transportava sucatas virou sobre quatro carros. Apesar do susto, nenhum dos seis ocupantes dos veículos ficou ferido. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a remoção do caminhão e das peças de metal que se espalharam pelo asfalto só vai ser possível no início da manhã deste sábado (14). O trecho está sinalizado com cones.

 A carreta seguia de Candeias, na Bahia, em direção ao município mineiro de Juiz de Fora. Em uma curva, a carroceria pendeu para o lado esquerdo e a carga acabou caindo. Motorista do último carro a ser atingido pela sucata, a comerciante Juliana Cangussu, que viajava com o marido, declarou ao RADAR 64 que a tragédia só não foi maior por causa de um caminhão que estava um pouco à frente. “Esse veículo acabou, de alguma forma, amortecendo o compartimento que tombou.
Se não fosse isso, tenho certeza que os quatro carros seriam esmagados”, afirmou ela. Quatro carros foram atingidos pelas sucatas; nenhuma pessoa ficou ferida “O susto foi muito grande. A única coisa que pude fazer, para evitar um dano maior, foi ir para o acostamento”, declarou o empresário itabelense Fabiano Moreira, 41, condutor do terceiro carro. Rondinelli Gomes da Silva, 37 anos, que conduzia a carreta, negou que estivesse em alta velocidade, como denunciou um escrivão da Polícia Civil do Espírito Santo que estava em um dos carros atingidos. “Após a curva, a carga pendeu para o lado esquerdo. Tentei controlar, mas o último compartimento tombou e as sucatas que estavam sendo transportadas atingiram os carros”, afirmou. A empresa que ele trabalha, a transportadora Jolivan, ainda não se posicionou sobre o acidente. (Radar64)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.