×

Após 5h, incêndio em fábrica de colchões em Salvador é controlado

As famílias que não conseguiram abrigo na casa de familiares, recebem acolhimento em um centro comunitário do bairro de Valéria.

qi 300x170 - Após 5h, incêndio em fábrica de colchões em Salvador é controlado - o tempo jornalismo

O incêndio começou pouco antes das 6h. Conforme disse Major Ramon Diego, do Corpo de Bombeiros.

O incêndio de grandes proporções que atingiu a fábrica da Ortobom no bairro de Valéria, em Salvador, foi controlado cerca de cinco horas após as chamas tomarem conta da unidade. Vale ressaltar que o incêndio não foi totalmente debelado. O incêndio começou pouco antes das 6h. Conforme disse Major Ramon Diego, do Corpo de Bombeiros, um galpão da fábrica não foi atingido pelo fogo.

No local, além de documentos, estavam dois cachorros que foram retirados com vida. “Nesse momento estamos com o fogo controlado. Confinamos o fogo na faixa principal. Preservamos 40% área edificada. Retiramos 14 caminhões, dois animais e material de escritório. Isolamos o local e estamos dando assistência a localidade. Ainda está tendo rescaldo. O material queima rápido.
A influência do material, da temperatura, faz com que o calor retome”, explicou o major. Ninguém ficou ferido no incêndio, mas cerca de 20 casas precisaram ser desocupadas, segundo informou a Defesa Civil de Salvador (Codesal). Além disso, dos 20 imóveis, cinco foram atingidos pelo fogo, mas não há detalhes do que foi destruído. As famílias que não conseguiram abrigo na casa de familiares, recebem acolhimento em um centro comunitário do bairro de Valéria, onde fica a fábrica. (G1)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.
banner whats 300x95 - Após 5h, incêndio em fábrica de colchões em Salvador é controlado - o tempo jornalismo

  • últimas notícias
  • mais lidas