Hamilton diz que sua equipe foi assaltada em São Paulo: ‘Acontece todo ano aqui’

Por favor, rezem pelos meus colegas que estão aqui hoje como profissionais, ainda que abalados”, postou.

Segundo o piloto, os seus companheiros estão muito abalados com o ocorrido.

Atual campeão mundial de Fórmula 1, o inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, utilizou o seu Twitter neste sábado (11) para informar que colegas de sua escuderia foram assaltados em São Paulo, na última sexta-feira (10).

Segundo o piloto, os seus companheiros estão muito abalados com o ocorrido. “Alguns [membros] da minha equipe foram mantidos sob a mira de armas na última noite ao deixarem o circuito aqui no Brasil. Tiros, armas apontadas para a cabeça
Isso é tão triste de ouvir. Por favor, rezem pelos meus colegas que estão aqui hoje como profissionais, ainda que abalados”, postou. Hamilton ainda afirmou que isso já faz parte da rotina no Grande Prêmio do Brasil. “Isso acontece todo ano aqui. F1 e as equipes precisam fazer algo a mais, não há desculpas”, acrescentou.
O GP do Brasil acontece no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. A corrida será disputada no domingo (12). Ao G1, a assessoria de imprensa da Polícia Militar garantiu não ter nenhum registro de assalto na região. (B.N)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.