Fachin sequestra imóvel que levou à renúncia de Geddel

Fachin determinou o bloqueio de 20% do empreendimento, bem como o sequestro judicial da unidade 2301.

O apartamento esteve no centro do episódio que levou à renúncia de Geddel Vieira Lima do cargo de ministro da Secretaria de Governo.

O ministro do STF Edson Fachin determinou o bloqueio parcial de sete empreendimentos imobiliários em Salvador ligados à família do ex-ministro Geddel Vieira Lima. Entre os imóveis bloqueados está o La Vue, condomínio de alto padrão na Ladeira da Barra, área nobre da capital baiana. Fachin determinou o bloqueio de 20% do empreendimento, bem como o sequestro judicial da unidade 2301.

O apartamento esteve no centro do episódio que levou à renúncia de Geddel Vieira Lima do cargo de ministro da Secretaria de Governo, em novembro do ano passado, após conflitos com o então ministro da Cultura, Marcelo Calero, que também pediu demissão na ocasião.

Outros seis empreendimentos, todos condomínios de luxo em construção ou já concluídos, tiveram entre 7% e 25% de seus imóveis tornados indisponíveis por Fachin, totalizando R$ 12,7 milhões bloqueados. Na decisão, o ministro escreveu que “ressoam indícios de que os denunciados aplicaram altos valores em investimos no mercado imobiliário, tanto que confirmada a aquisição, perante a empresa Cosbat – Construção e Engenharia, de várias cotas de participação em imóveis em construção no Estado da Bahia”.(JB)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.