Vitória sucumbe diante da Chapecoense, mas segue fora do Z-4

A última derrota longe da capital baiana havia sido para o Palmeiras, por 4×2, no dia 16 de julho.

O que o separa da Ponte Preta, 17ª, é o saldo de gols: -8 para o rubro-negro e -11 para a Macaca.

Um dos mais fortes refúgios do Leão na sua briga contra o rebaixamento acabou. Foram precisamente quatro meses de invencibilidade longe de Salvador na Série A, marca que acabou nesta quinta-feira (16) com a derrota por 2×1 para a Chapecoense na Arena Condá. A derrota veio de virada. Numa atuação abaixo do comum fora de casa, o Leão saiu à frente com David aos 19 minutos de jogo, mas sofreu o empate com 25 minutos do primeiro tempo, em gol de Arthur, e aos 32 da etapa final, com Túlio de Melo.

A última derrota longe da capital baiana havia sido para o Palmeiras, por 4×2, no dia 16 de julho. Apesar do resultado em Chapecó, o Leão segue fora do Z4, na 16ª posição, com 39 pontos. O que o separa da Ponte Preta, 17ª, é o saldo de gols: -8 para o rubro-negro e -11 para a Macaca. Enquanto isso, a Chapecoense foi a 47 pontos e se livrou matematicamente do rebaixamento. O próximo compromisso rubro-negro é no Barradão, no domingo (19), às 17h, contra o Cruzeiro. (Correio)

Comentários

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.